Como o sequestro de dados se tornou o crime mais rentável na pandemia?

O momento de pandemia que vivemos se tornou o cenário perfeito para o sequestro de dados das empresas, com o trabalho remoto e a super valorização das criptomoedas não rastreáveis, os criminosos investem mais a cada dia neste tipo de roubo.

Grandes gigantes do mundo corporativo foram alvo deste tipo de ataque no último ano, empresas como a JBS tiveram seus ambientes invadidos, dados copiados e criptografados e um resgate milionário cobrado para que não fosse feito um grande vazamento na internet.


A relação entre ransomware e o trabalho remoto é que, ao distribuir as pessoas geograficamente, muitas companhias não revisaram protocolos ou instruíram seus empregados sobre segurança digital, permitindo o aumento de brechas de acesso a cibercriminosos, senhas simples utilizadas pelos funcionários para acessar o computador da empresa, como padrões fáceis de serem descobertos, são a porta de entrada perfeita para os invasores.


O relatório global Verizon DBIR, um dos mais confiáveis do mercado de segurança digital, que capta dados de múltiplas fontes empresariais e governamentais, mostra que o ransomware responde por 10% dos incidentes cibernéticos. O índice parece baixo, mas chama a atenção sua rápida evolução. Em 2018, o ataque representava menos de 2%.


A Kaspersky, uma das líderes de mercado no país, colocou o Brasil entre as cinco nações mais atingidas por ransomware em 2020. Os chamados ataques de força bruta, quando um hacker usa diversas técnicas para obter a senha de um usuário, subiram 330% no país, com um pico no início da pandemia.


Autoridades governamentais têm discutido maneiras de conter o avanço desse tipo de atividade, o tópico foi debatido por representantes do G7 em reunião recente. Por enquanto, há duas principais propostas na mesa: classificar ransomware e o cibercrime em geral como terrorismo, o que facilitaria a cooperação transnacional, ou tentar sufocar o pagamento por criptomoedas, tentando regulamentá-las globalmente, o que não seria uma tarefa simples.


Enquanto uma decisão governamental não acontece, proteja seus dados com as soluções mais renomadas do mercado e garanta a disponibilidade do seu ambiente.

Consulte um de nossos especialistas e saiba como otimizar seu custo e garantindo proteção de ponta.






14 visualizações0 comentário